Joinville desbanca atual bicampeão e avança à semifinal da LNF


O Joinville-SC levou a melhor no confronto das quartas de final entre os dois últimos times vencedores da Liga Nacional de Futsal (LNF). Nesta terça-feira (24), no Centreventos Cau Hansen, em Joinville (SC), o JEC foi superado no tempo normal por 3 a 2, mas venceu o Pato-PR por 2 a 0 na prorrogação, classificando-se à semifinal da competição. No primeiro jogo, realizado no último sábado (21) em Pato Branco (PR), o JEC havia goleado o atual bicampeão por 5 a 1.

Esta é a sexta vez que a equipe catarinense garante um lugar entre os quatro melhores do torneio, sendo a quinta nos últimos oito anos. Campeão em 2017, o JEC terá pela frente quem avançar entre Carlos Barbosa-RS e Corinthians, que empataram na partida de ida por 2 a 2, em São Paulo. O segundo jogo seria no último domingo (22), mas foi adiado devido ao surto do novo coronavírus (covid-19) que atingiu o time gaúcho. O duelo de volta ainda não foi remarcado. A outra semifinal reúne Magnus Sorocaba-SP e Tubarão-SC.

O pivô Genaro, no primeiro minuto de jogo, colocou o Joinville à frente. O JEC seguiu no ataque e quase ampliou duas vezes, em chutes de Genaro e do ala Xuxa que pararam na trave. Pouco antes do intervalo, porém, o fixo Valença deixou tudo igual, batendo pênalti. Na etapa final, o ala Rodriguinho recolocou o Tricolor em vantagem. Precisando virar o marcador para seguir viva no confronto, a equipe paranaense adotou o goleiro linha. Deu certo. O ala Perin igualou e Valença virou o placar, forçando a prorrogação.

Os dois tempos extras, de cinco minutos, foram disputados em clima de tensão, com reclamação de ambos os lados. Tendo que ganhar, pois a vantagem do empate era do Joinville pela melhor campanha, o Pato se lançou ao ataque, mas quem balançou as redes foi o JEC. A quatro minutos do fim, o pivô Dieguinho fez grande jogada e o fixo Machado fez o primeiro dos mandantes. Os atuais bicampeões pressionaram, mas pararam no goleiro William. Nos segundos finais, o fixo Leco fechou o placar no Cau Hansen e decretou a classificação tricolor.



Fonte

Próximo Post